×
Indigenista Especializado Engenheiro Civil
×

FUNAI 2016

Contador

Questão 1

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Em meio a catástrofes ambientais causadas pela ação
 
do homem, aumento de doenças físicas e mentais nos
 
centros urbanos e intolerância às diferenças sociais,
 
religiosas e culturais, sobressai, das entranhas do
5
Brasil, um modelo saudável de harmonia entre homens
 
e natureza: o Parque Indígena do Xingu, criado há 55
 
anos.
 
Essa experiência nacional, que oferece lições de
 
respeito e de resiliência aos problemas enfrentados
10
pelo dito mundo civilizado, é prova de que a ideia
 
dos índios como seres primitivos está superada. Eles
 
desenvolvem culturas riquíssimas e conhecimentos
 
interessantíssimos de tecnologia leve – de clima, solo,
 
espécies, plantas.
(Adaptado de Planeta/abr.2016, p.19.)
As informações do texto acima permitem concluir que

Questão 2

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Enquanto os 26 mil km² do Parque Indígena do
 
Xingu permanecem preservados, sucessivas
 
degradações têm marcado seu entorno, que sofreu
 
com a derrubada de árvores por madeireiros,
5
passando grande parte dos campos desmatados
 
a ser ocupados pela pecuária extensiva e pelo
 
garimpo.
 
Nos últimos 15 anos, cada vez mais plantações de
 
soja e cidades em crescimento cercam o parque.
10
Em 1980, havia apenas três municípios na região;
 
hoje, são dez. Os índios chamam essa situação
 
de “abraço de morte”, porque chegam de fora os
 
problemas ambientais enfrentados no parque, como
 
o assoreamento do leito dos rios, a contaminação
15
das águas, a invasão de porcos selvagens, as
 
mudanças nos marcadores do tempo.
(Adaptado de Planeta/abr.2016, p.19.)
Mantém o sentido e a correção do texto a substituição de

Questão 3

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
A mata preservada do Parque Indígena do Xingu segue
 
previlegiando [1] os chamados “serviços sistêmicos”.
 
A natureza contribue [2] para o equilíbrio do clima e o
 
bem-estar [3] das pessoas, seja na forma de umidade
5
do ar, que leva chuva pelo Brasil a fora [4], seja na
 
manutenção da biodiversidade, da polinização, da
 
absorsão [5] de carbono.
(Adaptado de Planeta/abr.2016, p.20.)
Assinale a opção cujo número corresponde ao segmento corretamente grafado.

Questão 4

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 5

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Indique o conector que corretamente pode ocupar a posição inicial do período abaixo, assinalada por [...].

[...] as principais investidas contra a identidade dos índios e a integridade do Parque Indígena do Xingu surgem na forma de projetos de hidrelétricas e de leis que preveem mineração nas reservas e demarcação de terras indígenas, os xinguanos mantêm intensa mobilização política para defender seus direitos e fazer a sociedade atual reconhecer as contribuições que eles podem oferecer-lhe.

Questão 6

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O texto abaixo foi transcrito com erros. Assinale o único trecho gramaticalmente correto.

Questão 7

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Assinale o trecho em que foram plenamente atendidas as regras de emprego dos sinais de pontuação.

Questão 8

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
No Brasil, não tinha havido batalhas memoráveis,
 
nem catedrais, nem divinas comédias, mas o
 
Amazonas era o maior rio do mundo, as nossas
 
florestas eram monumentais, os nossos pássaros
5
mais brilhantes e canoros. É o que vemos em
 
tantas obras do Romantismo brasileiro.
 
Essa natureza, mãe e fonte de orgulho, funcionou
 
como correlativo dos sentimentos que o brasileiro
 
desejava exprimir como próprios, não apenas
10
na poesia patriótica e intimista, mas também na
 
narrativa em prosa.
 
Alguns contemporâneos de Álvares de Azevedo
 
diziam que, apesar do grande talento, ele não
 
era “brasileiro”. Por quê? Porque falava pouco do
15
mundo exterior e preferia temas universais.
(Adaptado de O Romantismo no Brasil, de Antonio Candido, p.89.)
Há elementos no texto que permitem a seguinte inferência:

Questão 9

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
No Brasil, não tinha havido batalhas memoráveis,
 
nem catedrais, nem divinas comédias, mas o
 
Amazonas era o maior rio do mundo, as nossas
 
florestas eram monumentais, os nossos pássaros
5
mais brilhantes e canoros. É o que vemos em
 
tantas obras do Romantismo brasileiro.
 
Essa natureza, mãe e fonte de orgulho, funcionou
 
como correlativo dos sentimentos que o brasileiro
 
desejava exprimir como próprios, não apenas
10
na poesia patriótica e intimista, mas também na
 
narrativa em prosa.
 
Alguns contemporâneos de Álvares de Azevedo
 
diziam que, apesar do grande talento, ele não
 
era “brasileiro”. Por quê? Porque falava pouco do
15
mundo exterior e preferia temas universais.
(Adaptado de O Romantismo no Brasil, de Antonio Candido, p.89.)
Assinale a afirmação correta a respeito de aspecto gramatical do texto.

Questão 10

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Há séculos os índios mundurucus ocupam parte
 
do Amazonas, do Pará e de Mato Grosso. Por seu
 
costume de cortar e mumificar a cabeça dos inimigos,
 
foram primeiro combatidos e depois utilizados pelo
5
colonizador português para garantir a ocupação do
 
interior da Amazônia. Mais tarde, durante os ciclos
 
da borracha, sucumbiram à indústria seringueira
 
e deixaram suas terras em direção ao rio Tapajós.
 
Atualmente, uma das maiores preocupações
10
da etnia é com o complexo de, pelo menos, oito
 
hidrelétricas, a serem implantadas na bacia do rio
 
Tapajós até 2021.
(Adaptado de IstoÉ, 10/7/13.)
Atende à norma gramatical da língua padrão e preserva os sentidos do texto original a seguinte substituição:

Questão 11

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 12

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Forçadas pelas novas condições uniformizadoras,
 
as antigas áreas culturais brasileiras se vão
 
tornando cada vez mais homogêneas, por
 
imperativo do processo geral de industrialização,
5
que a todos afeta, e da ação uniformizadora
 
dos sistemas de comunicação de massa, que
 
aproximam os gaúchos dos caboclos amazônicos
 
e os fazem interagir com os centros dinâmicos do
 
processo de industrialização.
10
Isso significa que, apesar de tudo, somos uma
 
província da civilização ocidental, uma nova Roma,
 
uma matriz ativa da civilização neolatina, melhor
 
que as outras, porque lavada em sangue negro e
 
em sangue índio, e cujo papel, doravante, menos
15
que o de absorver europeidades, será o de ensinar
 
o mundo a viver mais alegre e mais feliz.
(Adaptado de O povo brasileiro – a formação e o sentido do Brasil, de Darcy Ribeiro, p.265.)
Assinale a opção que apresenta análise correta de aspecto gramatical do texto.

Questão 13

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 14

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Tenho observado um deslocamento significativo
 
na forma contemporânea dos crimes passionais.
 
O assassinato de mulheres por ex-companheiro
 
tem acontecido muito frequentemente na forma
5
de chacina, em que não só a mulher, mas também
 
membros da família ou amigos são eliminados. É
 
como se o sentimento de humilhação do homem
 
rejeitado se estendesse a todas as testemunhas de
 
seu infortúnio. O abandono ou a traição pela esposa
10
ou namorada deixam de ser questões morais ou de
 
quebra de contrato, como nos casamentos antigos.
 
Tornam-se exposição pública de virilidade falhada.
 
O agravante é que a posição de objeto sexual é
 
muito mais angustiante para um homem que para
15
uma mulher, pois ameaça a posição masculina, que,
 
tradicionalmente, é de atividade e conquista. Pior
 
ainda quando esse objeto é rejeitado, substituído.
 
A liberdade de escolha das mulheres tornou-se
 
ameaçadora para os homens. A masculinidade,
20
hoje, parece cada vez mais uma fortificação sitiada.
(Adaptado de A fratria órfã: conversas com a juventude, de Maria Rita Kehl, p.194.)
Julgue como verdadeira (V) ou falsa (F) cada uma das afirmações acerca do texto acima e, em seguida, assinale a opção correta.

( ) Privilegiando-se a concisão e atendendo-se à prescrição gramatical, a oração que expressa informação complementar do termo “chacina” (l. 5) poderia ser assim reescrita: em que também membros da família ou amigos são eliminados.

( ) O emprego da conjunção “ou”, no segmento “O abandono ou a traição” (l.9) evidencia que os vocábulos “abandono” e “traição” são sinônimos, pois, conforme as ideias desenvolvidas no texto, ambos foram empregados na acepção de “ardil”.

( ) Os fatores emocionais de crimes passionais foram preteridos na análise, cujo foco é o papel social dos homens na sociedade contemporânea.

( ) Na contemporaneidade, um dos fatores do aumento de práticas cada vez mais violentas contra mulheres é o revide, como demonstra a tendência de as mulheres transformarem o companheiro em objeto sexual.

( ) O agravamento do conflito atual entre homens e mulheres resulta do embate entre tendências antagônicas e excludentes: a liberdade de escolha das mulheres e a manutenção da posição de atividade e conquista, tradicionalmente assegurada aos homens.

A sequência correta é:

Questão 15

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
A vaidade é uma marca ostensiva do povo zoé,
 
que, desde a primeira dentição, usa como adorno
 
de identidade o ebber’pot: cravo de madeira, que é
 
pendurado no lábio inferior, previamente perfurado. Para
5
os zoés, uma das mais preciosas inovações dos kihari
 
(os não índios) é o espelho. O utensílio, introduzido pela
 
Funai, ajuda as mulheres a embelezarem o corpo com
 
a tintura vermelha de urucum e a conservarem as tiaras
 
de penugem branca de urubu-rei.
10
Além de vaidosa, a sociedade zoé é poligâmica e
 
poliândrica. As mulheres se casam com vários homens.
 
Geralmente, uma mulher tem de quatro a cinco maridos
 
ao longo de sua vida e convive com dois ou três ao
 
mesmo tempo.
15
Os zoés formam uma sociedade de 270 indivíduos
 
que vivem em 12 aldeias, de forma itinerante, na Terra
 
Indígena Zoé, em uma área de 6,4 mil km² de floresta,
 
no noroeste do Pará, às margens do rio Cuminapanema.
(Adaptado de Planeta/abr./2016, p.29.)
As informações expressas no texto asseguram a seguinte inferência:

Questão 16

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O texto abaixo foi transcrito com erros. Assinale a opção em que o trecho está gramaticalmente correto.

Questão 17

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 18

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Assinale o trecho em que foram plenamente atendidas as regras de emprego dos sinais de pontuação.

Questão 19

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Se o especialista de qualquer área não sair de suas
 
quatro paredes e não entrar em outras áreas, vai
 
acabar prisioneiro de suas paredes, vai acabar
 
emparedado. Sem janelas e sem portas, sem ver
5
os fundamentos do provisório espaço que ocupa,
 
pode supor que está vendo tudo o que importa,
 
mas estará vendo apenas o que a ele importa. Por
 
isso, quando se tem, em uma área acadêmica,
 
um espaço reservado ao embate interdisciplinar,
10
retoma-se o caminho que a constituiu.
 
O fundamento da arquitetura não está no espaço
 
construído, assim como o do urbanismo não está
 
no traçado da cidade. Quando se faz um traço
 
fundante para estruturar um prédio ou uma cidade,
15
o que funda tudo não é esse traço, mas a concepção
 
que está subjacente a ele.
(Adaptado de Ensaios de Semiótica da Cultura, de Flávio R. Kothe, p.59.)
Assinale a opção correta a respeito desse fragmento de texto.

Questão 20

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Considere a situação em que um funcionário de uma equipe da Funai precise redigir um ofício para encaminhar ao titular da Coordenação Geral de Índios Isolados a solicitação dos índios de criação, nas proximidades de suas aldeias, de uma coordenação técnica local.

De acordo com as normas de redação de atos e comunicações oficiais, nesse expediente, deve(m) constar

Questão 21

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Em uma cidade, 40% dos adultos são obesos, 45% dos adultos obesos são mulheres e 50% dos adultos não obesos são mulheres. Indique qual a probabilidade de que uma pessoa adulta da cidade escolhida ao acaso seja uma mulher.

Questão 22

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Em uma cidade, 40% dos adultos são obesos,
 
45% dos adultos obesos são mulheres e 50% dos
 
adultos não obesos são mulheres.
Considerando os dados da questão indique qual a proporção de mulheres adultas que são obesas.

Questão 23

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O triângulo I tem base b e altura h. O triângulo II tem base 25% maior e altura 20% menor que o triângulo I. A base do triângulo III é 1,25b e a altura é 0,8h. Pode-se afirmar que:

Questão 24

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Considere as quatro letras A, C, G e T formando pares de letras nos quais A só forma par com T e C só forma par com G. Indique quantas sequências distintas de três pares ordenados de letras e com repetição podem ser formadas.

Questão 25

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O limite da série infinita S de razão 1/3,
S = 9 + 3 + 1 + 1/3 + 1/9 + ... é:

Questão 26

FUNAI 2016 - ESAF - Contador

» Esta questão foi anulada pela banca.
Sejam as proposições p e q onde p implica logicamente q e sejam as negações ~p e ~q. Tem-se que:

Questão 27

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Sejam as proposições p e q onde p implica logicamente q. Diz-se de maneira equivalente que:

Questão 28

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Seja NE a abreviatura de Nordeste. A negação de “O Piauí faz parte do NE ou o Paraná não faz parte do NE” é:

Questão 29

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Seja a proposição: “Se um elemento possui a propriedade P então ele possui também a propriedade Q”. Para demonstrar que esta proposição é falsa, basta mostrar que:

Questão 30

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Sejam as proposições (p) e (q) onde (p) é V e (q) é F, sendo V e F as abreviaturas de verdadeiro e falso, respectivamente. Então com relação às proposições compostas, a resposta correta é:

Questão 31

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Sobre a temática dos Direitos e Garantias Fundamentais, assinale a opção correta.

Questão 32

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Um deputado da Câmara de Deputados apresentou projeto de lei, cujo objeto era o de criar cargos públicos para futuro provimento pela Fundação Nacional do Índio. A discussão e votação do projeto de lei teve início na própria Câmara de Deputados, tendo sido revisto pelo Senado Federal, em um só turno de discussão e votação, não tendo a casa revisora feito qualquer emenda ao projeto. O Senado Federal aprovou a propositura normativa e enviou o projeto de lei ao Presidente para sanção ou veto. O Presidente da República vetou integralmente o projeto de lei, reputando-o inconstitucional.

Em face da situação exposta, avalie as assertivas seguintes e a relação proposta entre elas.

I. O Presidente da República agiu incorretamente ao vetar o projeto de lei por inconstitucionalidade. PORQUE
II. A Casa na qual tenha sido concluída a votação é a que realmente deve enviar o projeto de lei ao Presidente da República para sanção ou veto.

A respeito dessas assertivas, assinale a opção correta.

Questão 33

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O Tribunal de Contas da União (TCU) possui papel importante na fiscalização contábil, financeira e orçamentária. Sobre o referido órgão, assinale a opção correta.

Questão 34

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Sobre as disposições constitucionais pertinentes aos índios, assinale a opção correta.

Questão 35

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Assinale a opção que corresponda ao requisito de validade do ato administrativo que configura “o círculo definido por lei dentro do qual podem os agentes exercer legitimamente sua atividade”.
(CARVALHO FILHO, José dos Santos. Manual do Direito Administrativo. 27 ed. São Paulo: Atlas, 2014, p. 106).

Questão 36

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 37

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 38

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Entre as modalidades de delegação da prestação do serviço público, pode-se citar a

Questão 39

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Assinale a opção que não retrata uma característica da autarquia.

Questão 40

FUNAI 2016 - ESAF - Contador

» Esta questão foi anulada pela banca.
Sobre as disposições constitucionais referentes aos servidores públicos, assinale a opção correta.

Questão 41

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
É correto afirmar que as ações referentes à educação indígena serão desenvolvidas pelas:

Questão 42

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
É incorreto afirmar que a política indigenista do Estado brasileiro é baseada no(s) seguinte(s) princípio(s):

Questão 43

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
É correto afirmar que as rendas do Patrimônio Indígena serão administradas pela Funai tendo em vista o seguinte objetivo:

Questão 44

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Na aplicação das disposições da Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho, é incorreto afirmar que os governos deverão fazer o que estiver ao seu alcance para evitar qualquer discriminação entre os trabalhadores pertencentes aos povos interessados e aos demais trabalhadores, especialmente quanto a:

Questão 45

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Compete à Corregedoria da Fundação Nacional do Índio, exceto:

Questão 46

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No procedimento administrativo de demarcação das terras indígenas, é correto afirmar que as terras indígenas serão homologadas mediante

Questão 47

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Constituem patrimônio e recursos da Fundação Nacional do Índio, exceto:

Questão 48

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No que diz respeito à demarcação das terras tradicionalmente ocupadas pelos índios, é incorreto afirmar que:

Questão 49

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
É incorreto afirmar que, entre as funções da Assembleia-Geral do Fundo para o Desenvolvimento dos Povos Indígenas da América Latina e do Caribe, incluem, entre outras:

Questão 50

FUNAI 2016 - ESAF - Contador

» Esta questão foi anulada pela banca.
Considerando o disposto em normas internacionais, é incorreto afirmar que os Estados estabelecerão mecanismos eficazes para a prevenção e reparação de:

Questão 51

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Há um certo número de níveis em um computador, desde o nível do usuário até o nível do hardware.
Do nível mais alto para o mais baixo, os níveis se tornam menos abstratos e mais da estrutura interna do computador torna-se visível. Nas opções abaixo, identifique a de mais alto nível.

Questão 52

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
As funções do núcleo do Linux (escalonamento de processos, gerenciamento de memória, operações de entrada e saída, acesso ao sistema de arquivos) são executadas no espaço de núcleo. Uma característica do núcleo Linux é que algumas das funções podem ser compiladas e executadas como módulos, que são bibliotecas compiladas separadamente da parte principal do núcleo. Essas características fazem com que o núcleo do Linux seja classificado como:

Questão 53

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Uma das diferenças entre a Internet e a Intranet é o(a):

Questão 54

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A solução de conectividade que permite o acesso externo a uma rede corporativa, compartilhando dados para fins específicos como, por exemplo, fornecedores ou clientes, é denominada:

Questão 55

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Feeds são listas de atualização de conteúdos publicados por determinados websites e recebidos por usuários. Pode-se receber atualizações de feeds utilizando o protocolo:

Questão 56

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No editor de texto Word da Microsoft, as combinações de teclas (teclas de atalho) que, respectivamente, selecionam todo o texto e salvam o conteúdo de um arquivo em edição são:

Questão 57

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Há ataques que consistem em sobrecarregar um servidor com uma quantidade excessiva de solicitações de serviços. Há muitas variantes desse tipo de ataque. Em uma delas o agressor invade muitos computadores e instala neles um software zumbi. Quando recebem a ordem para iniciar o ataque, os zumbis bombardeiam o servidor-alvo, tirando-o do ar. Esse tipo de ataque é conhecido como:

Questão 58

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O tipo de backup de dados que é acumulativo, isto é, se um arquivo foi alterado, este continua a ser incluído nos backups seguintes, é o

Questão 59

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No sistema Operacional Windows, caso o usuário tenha excluído arquivos e venha a se arrepender, estes itens poderão ser restaurados da Lixeira. Na tela, basta clicar na Lixeira e o conteúdo da Lixeira será exibido. O usuário deverá selecionar o item a ser restaurado, então clicar no menu Arquivo e depois em Restaurar, e a restauração será feita. O arquivo restaurado será devolvido à(ao):

Questão 60

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Assinale a opção correta com relação a software livre.

Questão 61

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Segundo Peters e Pierre (2010, pág. 21), uma das grandes “(...) mudanças na gestão pública [contemporânea] tem sido o estreitamento da relação entre Estado e sociedade na entrega de serviços públicos. O governo não é mais um ator autônomo na implementação de políticas, e cada vez mais frequentemente dependente do setor privado e do terceiro setor para cumprir seus objetivos”.
(PETERS, B. G.; PIERRE, J. Administração pública: coletânea. 2010, pág. 21)

São formas de interface do Estado brasileiro com organizações não-estatais e atores sociais, respectivamente, para a execução e discussão das políticas públicas, exceto:

Questão 62

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Analise os itens a seguir e assinale a opção correta.

I. A criação do Departamento de Administração do Serviço Público (DASP), em 1938, pode ser considerada um importante marco para o início da profissionalização na administração pública brasileira em nível federal.

II. O Decreto-Lei 200 de 1967, ao reorganizar a estrutura da administração pública federal e estabelecer a divisão entre administração pública direta e indireta, demarca o início das práticas burocráticas no Estado brasileiro.

III. O movimento de publicização de serviços não-exclusivos do Estado, pautado pelo Plano Diretor de Reforma do Aparelho do Estado de 1995, evidencia uma forma de administração pública orientada pela abordagem gerencialista.

Questão 63

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O sistema de freios e contrapesos consagra o princípio do controle no Estado. Em relação ao controle sobre os atos da administração pública existentes na gestão pública contemporânea no Brasil, é incorreto apontar:

Questão 64

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Analise as afirmativas abaixo e assinale a opção correta.

I. A accountability horizontal depende, essencialmente, da atuação de órgãos de controle externo, como o Ministério Público no Brasil, cujo objetivo central é garantir a governabilidade.

II. A accountability vertical pressupõe a participação dos cidadãos no processo fiscalizatório e, portanto, constitui-se em uma dimensão importante da governança no setor público.

III. A combinação de diversos mecanismos de accountability no setor público possibilita o funcionamento do sistema de check and balances.

Questão 65

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Conforme Diniz (2015, pág. 50), “(...) o e-gov é, hoje, uma realidade em construção e, apesar de possuir crescimento distinto dependendo do país ou região, é considerado um dos principais instrumentos governamentais para melhora da gestão pública”.
(DINIZ, E. H. Governo na web: reflexões teóricas e práticas. 2015, pág. 50)

Sobre o desenvolvimento do governo eletrônico no contexto brasileiro, é correto afirmar que:

Questão 66

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 67

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Diversos são os mecanismos institucionais e as ferramentas gerenciais que a administração pública pode utilizar para promover a melhoria da qualidade dos serviços públicos. Assinale a opção que faz a incorreta associação entre o instrumento e a sua função.

Questão 68

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Sobre o processo decisório na administração pública, que envolve técnicas de análise de problemas, solução de problemas e tipos de decisão, é correto afirmar que:

Questão 69

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
De acordo com Pacheco (2010, p. 186), “(...) desde meados dos anos 1970, as sociedades passaram a demonstrar um conjunto de pressões e questionamentos sobre a forma de organização e funcionamento do Estado que havia prevalecido durante o século XX”.
(PACHECO, S. R. Burocracia e política no Brasil. 2010, pág. 186)

Em resposta a tais questões, governos de diferentes países empreenderam reformas nos últimos 30 anos e essas medidas foram agrupadas sob a marca da New Public Management. A agenda do modelo da Nova Gestão Pública abriga vários conteúdos e orientações, com exceção:

Questão 70

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No setor público, a gestão da mudança pelas reformas administrativas deriva de agendas explícitas de reorientação política e (re)estruturação institucional em governos e organizações públicas. Uma modernização do setor público baseado no paradigma da burocracia inclui, entre outros aspectos:

Questão 71

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Acerca das receitas públicas, assinale a opção correta.

Questão 72

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 73

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 74

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
De acordo com o Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público – 6ª edição, publicada pela Secretaria do Tesouro Nacional, é correto afirmar que:

Questão 75

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 76

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No que se refere às etapas da receita orçamentária e da despesa orçamentária, assinale a opção correta.

Questão 77

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Acerca da Conta Única do Tesouro Nacional e das disponibilidades financeiras do Governo Federal, assinale a opção incorreta.

Questão 78

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O Siafi é o Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal que consiste no principal instrumento utilizado para registro, acompanhamento e controle da execução orçamentária, financeira e patrimonial do Governo Federal. A seu respeito, é correto afirmar que:

Questão 79

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
No que se refere a suprimento de fundos, também chamado de regime de adiantamento de numerário, assinale a opção incorreta.

Questão 80

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 81

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Acerca do Patrimônio Líquido, indique a opção correta.

Questão 82

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 83

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 84

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Uma empresa pública produz 90.000 peças de um dos seus produtos por ano, cujo custo de produção total para as 90.000 unidades, em reais, foi determinado como segue:

Um fornecedor externo ofereceu vender a peça por R$ 10,00 a unidade. Caso a empresa pública decida comprar do fornecedor externo ao invés de fabricar a peça, ela conseguirá eliminar somente custos variáveis. Supondo que ela decida comprar 50.000 unidades de peça do fornecedor e continuar produzindo as outras 40.000 unidades, o impacto no resultado operacional, em reais, será

Questão 85

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Considere as informações da Cia. Gama, a seguir, referentes à produção de dois tipos de caderno no mês de maio de 2016:

No início do mês de maio de 2016, não havia estoques iniciais de produtos acabados e em elaboração e, no final deste mês, não havia estoques de produtos em elaboração. Os custos fixos indiretos e as despesas fixas indiretas mensais são, respectivamente, R$ 270.000,00 e R$ 90.000,00.

Considerando que a empresa utiliza como critério de rateio o custo total de mão de obra direta da produção do período, os valores dos estoques finais de Cadernos Capa Dura e Cadernos Espiral em 31/05/2016, pelo método de custeio por absorção são, respectivamente, em reais,

Questão 86

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A empresa Examina Ltda. pretende abrir uma filial para realizar um dos exames de diagnóstico por imagem. Para isso, elaborou duas propostas de orçamento, com equipamentos distintos, que são apresentadas a seguir:

Os valores do Ponto de Equilíbrio Contábil (PEC) do Orçamento 1 e do Orçamento 2 em valores de receita líquida, são, respectivamente, em reais,

Questão 87

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Uma empresa comercial realizou as seguintes operações durante o mês de maio de 2016:

Sabendo que a empresa não apresentava estoque inicial e que adota o critério PEPS para avaliação dos estoques, o custo das mercadorias vendidas no mês de maio de 2016 foi, em reais, de

Questão 88

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
São itens classificados como Ativo Circulante, Ativo Intangível e Patrimônio Líquido, respectivamente,

Questão 89

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Em 02/05/2016, a empresa Alpha adquiriu um lote de mercadorias para revenda e incorreu nos seguintes gastos: preço de compra das mercadorias – R$ 100.000,00; frete sobre compras – R$15.000,00; seguros sobre compras – R$ 6.000,00. Nos gastos realizados pela empresa, estavam inclusos impostos não recuperáveis de R$5.000,00 e impostos recuperáveis de R$12.000,00. Em 31/05/2016, a empresa vendeu, à vista, 60% deste lote de mercadorias por R$90.000,00, valor este líquido de tributos, e pagou comissões de R$2.700,00 e fretes sobre vendas de R$5.400,00. Com base nestas informações, o lucro bruto com a venda de mercadorias referente a maio de 2016 foi, em reais, de

Questão 90

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Considere os dados extraídos das demonstrações contábeis da empresa Cidadã S.A. referente ao exercício financeiro de 2015:

Com base nestas informações, o aumento no saldo do Patrimônio Líquido em 2015 foi, em milhares de reais, de

Questão 91

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Um equipamento foi adquirido, em 01/01/2014, por R$1.600.000,00 à vista para ser utilizado na atividade de uma empresa. Na data de aquisição, a empresa definiu que a vida útil do equipamento era 7 anos e o valor residual para este equipamento no final da vida útil definida era R$200.000,00. Em 01/01/2015, a empresa reavaliou a vida útil remanescente do equipamento para 4 anos e manteve o valor residual esperado. Em 30/06/2015, a empresa vendeu este equipamento por R$1.200.000,00 à vista. Sabendo que a empresa calcula a despesa de depreciação pelo método das cotas constantes, o resultado evidenciado na Demonstração de Resultados de 2015, correspondente à venda do equipamento foi, em reais, de

Questão 92

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A Cia. de Comércio Marítimo S.A. apresentou as seguintes demonstrações contábeis:



De acordo com as demonstrações contábeis acima e sabendo-se que os juros não foram pagos, o fluxo de caixa gerado pelas Atividades Operacionais no ano de 2015 foi, em reais, de

Questão 93

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A Cia. Endividada obteve, em 01/12/2015, um empréstimo bancário para financiar suas atividades. O valor do empréstimo obtido foi R$ 10.000.000,00, para pagamento integral (principal e juros) em 01/12/2016 e a taxa de juros compostos contratada foi 15% ao ano. Os custos de transação incorridos e pagos, em 01/12/2015, para a obtenção deste empréstimo, foram R$180.000,00. Ao reconhecer este empréstimo, em 01/12/2015, a Cia. Endividada aumentou, em reais, o

Questão 94

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A empresa comercial Gera Valor S.A. apresentou as seguintes informações referentes ao ano de 2015 (valores em reais):

Sabendo que o valor dos tributos recuperáveis referentes aos produtos comercializados no ano de 2015 foi R$75.000,00, o Valor Adicionado Total a Distribuir gerado pela empresa Gera Valor S.A. no ano de 2015 foi, em reais, de

Questão 95

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A Cia. de Minérios S.A. possuía, em 31/12/2015, um ativo intangível com vida útil indefinida – ágio derivado da expectativa de rentabilidade futura, cujo valor contábil era composto por:

Valor de custo: R$750.000,00

Perda por impairment (reconhecida em 2014): R$275.000,00

Para elaborar as suas demonstrações contábeis de 2015, a empresa realizou o Teste de Recuperabilidade do Ativo em 31/12/2015 e obteve as seguintes informações:
Valor em uso: R$525.000,00
Valor justo líquido das despesas de venda: R$440.000,00

Com base nas informações acima, o valor contábil apresentado no Balanço Patrimonial da Cia. de Minérios S.A., em 31/12/2015, referente a este ativo foi, em reais, de

Questão 96

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A empresa Vende Tudo S.A. adquiriu, em 31/01/2015, um lote de produtos para serem comercializados no valor de R$510.000,00, a prazo. Em função de sua situação financeira, a empresa negociou com seu fornecedor para que pudesse pagar estes produtos em 15/05/2016. Sabe-se que, se a empresa Vende Tudo S.A. tivesse adquirido estes produtos à vista, teria pago R$380.000,00. Em 03/02/2015, a empresa vendeu 60% deste lote de produtos por R$444.000,00, para serem recebidos integralmente em 15/06/2016. Sabe-se que, se a venda tivesse sido à vista, a empresa Vende Tudo S.A. teria recebido R$377.000,00. Com base nestas informações, é correto afirmar que a empresa Vende Tudo S.A. reconheceu, em reais,

Questão 97

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Em 31/12/2014, a Cia. Paulista adquiriu 80% das ações da Cia. América por R$6.000.000,00 à vista. Este valor era igual ao valor justo líquido dos ativos e passivos identificáveis na data da aquisição. Em 2015, a Cia. América apurou prejuízo de R$100.000,00 e distribuiu dividendos no valor de R$50.000,00 em função de lucros passados.Com base nestas informações, a Cia. Paulista reconheceu, em reais, em sua Demonstração de Resultados de 2015, referente a este investimento:

Questão 98

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A Cia. Rio Branco é uma empresa comercial e possuía, em 30/11/2015, a seguinte situação patrimonial:

Disponível: R$70.000,00
Duplicatas a Receber de Clientes: R$40.000,00
Estimativa para Perdas com Crédito de Liquidação Duvidosa: R$2.000,00
Fornecedores: R$25.000,00
Adiantamento de Clientes (Cliente João): R$18.000,00
Capital Social: R$65.000,00
Durante o mês de dezembro de 2015, a Cia. Rio Branco realizou as seguintes operações:

Após o registro das operações acima, o total do Ativo da Cia. Rio Branco, em 31/12/15, era

Questão 99

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O maior país da América Latina, com a maior população católica
 
do mundo, não nasceu de forma tranquila. Neste livro, com o
 
realismo dos documentos originais, vemos claramente a
 
brutalidade do extermínio dos índios na costa brasileira, berço de
5
sangue cujo marco determinante é a fundação da cidade do Rio
 
de Janeiro.
 
O Brasil real começou a ser construído por homens como o
 
degredado João Ramalho, que raspava os pelos do corpo para se
 
mesclar aos índios e construiu um exército de mestiços caçadores
10
de escravos mais poderoso que o da própria Coroa; personagens
 
improváveis como o jesuíta Manoel da Nóbrega, padre gago
 
incumbido de catequizar um povo de língua indecifrável, esteio
 
da erradicação dos “hereges” antropófagos; líderes implacáveis
 
como Aimberê, ex-escravo que tomou a frente da resistência e
15
Cunhambebe, cacique “imortal”, que dizia poder devorar carne
 
humana porque era “um jaguar”.
 
Incluindo protestantes franceses, que se aliaram aos índios para
 
escapar dos portugueses e da Inquisição, além de mamelucos, os
 
primeiros brasileiros verdadeiramente ligados à terra, que
20
falavam tupi tanto quanto o português e partiram do planalto de
 
Piratininga para caçar índios e estenderam a colônia sertão
 
adentro, surge um povo que desde a origem nada tem da
 
autoimagem do “brasileiro cordial”.
(Texto da orelha do livro A conquista do Brasil, de Thales Guaracy, Planeta, Rio de Janeiro, 2015)
O texto 1, retirado da orelha do livro indicado, tem como finalidade destacar qualidades da obra a que alude; NÃO é uma dessas qualidades o seguinte tópico:

Questão 100

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
A empresa Pé Grande Sapatos Ltda. antecipou o pagamento de uma conta no valor de R$ 16.000,00, obtendo um desconto de 5%. Assinale a opção com a forma correta do registro contábil a ser lançado:

Questão 101

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Segundo a Lei nº. 4.320/1964, o ato emanado de autoridade competente que cria para o Estado obrigação de pagamento, pendente ou não de implemento de condição, é denominado:

Questão 102

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
O documento de entrada do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi) que tem a finalidade de registrar o pagamento de compromissos, bem como a transferência de recursos entre Unidades Gestoras (UG), liberação de recursos para fins de adiantamento, Suprimento de Fundos, Repasse, Sub-repasse, é denominado:

Questão 103

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
A empresa Alpha Ltda. realizou as seguintes
 
operações no exercício de 2015, envolvendo o seu
 
estoque de uma mercadoria, que estava vazio:
 
- Adquiriu 100 peças, a custo de R$ 10,00 a unidade,
5
em 31 de março;
 
- Efetuou baixa no estoque de 50 peças, vendidas
 
a R$ 20,00 a unidade, em 30 de abril;
 
- Adquiriu 150 peças, a custo de R$ 12,00 a unidade,
 
adquirida em 31 de maio;
10
- Efetuou baixa no estoque de 150 peças, vendidas
 
a R$ 24,00 a unidade, em 30 de junho;
 
- Adquiriu 250 peças, a custo de R$ 10,00 a unidade,
 
adquirida em 31 de julho; e
 
- Efetuou baixa no estoque de 100 peças, vendidas
15
a R$ 20,00 a unidade, em 31 de agosto.
 
As compras das peças foram feitas com frete grátis.
 
As compras e as vendas das mercadorias foram
 
tributadas com ICMS à alíquota de 18% (dezoito
 
por cento). Não incidiu IPI sobre as operações. Não
20
houve descontos, nem devolução nas vendas.
 
Considerando as informações supracitadas e o uso
 
do método PEPS, assinale a opção correta.
O Custo das Mercadorias Vendidas foi de:

Questão 104

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
A empresa Alpha Ltda. realizou as seguintes
 
operações no exercício de 2015, envolvendo o seu
 
estoque de uma mercadoria, que estava vazio:
 
- Adquiriu 100 peças, a custo de R$ 10,00 a unidade,
5
em 31 de março;
 
- Efetuou baixa no estoque de 50 peças, vendidas
 
a R$ 20,00 a unidade, em 30 de abril;
 
- Adquiriu 150 peças, a custo de R$ 12,00 a unidade,
 
adquirida em 31 de maio;
10
- Efetuou baixa no estoque de 150 peças, vendidas
 
a R$ 24,00 a unidade, em 30 de junho;
 
- Adquiriu 250 peças, a custo de R$ 10,00 a unidade,
 
adquirida em 31 de julho; e
 
- Efetuou baixa no estoque de 100 peças, vendidas
15
a R$ 20,00 a unidade, em 31 de agosto.
 
As compras das peças foram feitas com frete grátis.
 
As compras e as vendas das mercadorias foram
 
tributadas com ICMS à alíquota de 18% (dezoito
 
por cento). Não incidiu IPI sobre as operações. Não
20
houve descontos, nem devolução nas vendas.
 
Considerando as informações supracitadas e o uso
 
do método PEPS, assinale a opção correta.
As vendas proporcionaram um lucro bruto de:

Questão 105

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Contas do balanço patrimonial da empresa XYZW Ltda.:
 
Com base nas informações das contas acima, é correto afirmar que:

Questão 106

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
Contas do balanço patrimonial da empresa XYZW Ltda.:
 
Analise as contas acima e assinale a opção correta. O índice de liquidez seca é:

Questão 107

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
Ao final do exercício de 2015, foram obtidas as seguintes informações sobre o orçamento do Município W naquele exercício, em R$ milhões:

Questão 108

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O Município Z apresentou as seguintes informações
 
sobre as variações patrimoniais ocorridas no exercício
 
de 2015 (em R$):
 
O total de mutações passivas foi de:

Questão 109

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O Município Z apresentou as seguintes informações
 
sobre as variações patrimoniais ocorridas no exercício
 
de 2015 (em R$):
 
O total de variações ativas orçamentárias foi de:

Questão 110

FUNAI 2016 - ESAF - Contador
1
O Município Z apresentou as seguintes informações
 
sobre as variações patrimoniais ocorridas no exercício
 
de 2015 (em R$):
 
O resultado patrimonial do exercício foi de:



Provas de Concursos » Esaf 2016